Abrace esta causa, torne-se Sócio, participe!

ACTIVIDADES COMEMORATIVAS DO 45.º ANIVERSÁRIO DO 25 DE ABRIL

Nos 45 anos do 25 de Abril, a Associação 25 de Abril decide organizar um conjunto de iniciativas evocativas da Revolução dos Cravos, no sentido de lembrar o sucedido – a ruptura e a construção, a aventura e a epopeia, o acalentar dos sonhos cheios de esperanças e o desabar de muitas ilusões –, mas também de, teimosamente, persistir em demonstrar que há utopias por que vale a pena lutar, por mais que se tropece permanentemente com as realidades.

A festa foi bonita, durou menos do que o desejado, mas muito se conseguiu, na construção de um País mais livre, justo e solidário.

Portugal pode não ser o que ambicionámos e sonhámos.

Muitos avanços sociais acabaram por ruir, mas… muito ficou se compararmos com o ponto de partida.

A Liberdade, a Democracia e a Paz continuam a ser uma realidade!

Queremos mais?

Certamente!

Não estamos satisfeitos, ainda que ao olhar para o “mundo cada vez mais cão” que vemos à nossa volta, tenhamos de aceitar que o Portugal de hoje é como um pequeno oásis na Europa e no Mundo, porque mantém algumas das transformações operadas pelo 25 de Abril.

Condicionadas, é certo, mas presentes na nossa sociedade.

Em primeiro lugar, a Liberdade, nas suas várias vertentes.

Mas também a Justiça Social, nitidamente superior à vivida há 45 anos.

E a Paz, essa Paz que, uma guerra colonial, ainda que distante, teimava em não permitir aos portugueses que a usufruíssem.

De isolados no Mundo (orgulhosamente sós, como o ditador clamava), estamos plenamente inseridos na comunidade internacional, sendo mesmo um português a ocupar o lugar cimeiro na Organização das Nações Unidas.

Nestes 45 anos, tivemos avanços e recuos, sofremos ataques despudorados e violentos aos valores que levaram os capitães de Abril a tudo arriscarem e, com o sucesso da juventude, da audácia, mas também da sabedoria, alcançar a libertação dos portugueses e de Portugal.

Momentos houve em que o Portugal de Abril parecia ir sucumbir aos próceres das ideias anti-sociais, de defesa de minorias privilegiadas em detrimento da grande maioria da população.

Foi com a Liberdade conquistada e mantida que, através da Democracia (com enormes defeitos, mas preferível a qualquer ditadura), vencemos esses mercenários da desgraça.

45 anos depois, porque continuamos na luta por manter e aprofundar os valores de Abril, queremos aproveitar as Comemorações para, aprendendo com o passado, recuperar do espaço perdido e avançar na construção de um País mais livre, mais democrático, mais justo, mais solidário, um País mais Abril.

Vejamos os eventos que a A25A está a programar:

1. Conferências

Conjunto de três conferências, duas nas instalações da Fundação Calouste Gulbenkian, outra na sede da A25A.

Ciclo de Conferências

2. Festa Jovem

Festa Jovem da Linha – Pelo terceiro ano consecutivo, vai realizar-se a Festa Jovem da Linha, com os seguintes eventos:

a)

a.1) Cascais, 6 de Abril, em Alcabideche.

a.2) Oeiras, 27 de Abril, Festa Náutica Jovem, no Porto de Abrigo de Oeiras e na praia de Santa Amaro de Oeiras.

b)

Festa Jovem de Almada

Com a colaboração da Câmara Municipal de Almada, Federação Portuguesa de Trampolins e Desportos Acrobáticos, Associação de Ginástica de Lisboa e Associação de Ginástica do Distrito de Setúbal, vai realizar-se a 25.ª Festa Jovem, no Pavilhão Desportivo de Almada, no dia 27 de Abril.

3. Espectáculo

Promovido e produzido pela RTP, da autoria de Júlio Isidro, que será realizado e gravado no Coliseu dos Recreios de Lisboa, no dia 18 de Abril. Será transmitido pela RTP no dia 25 de Abril. Oportunamente será comunicada forma de aquisição dos ingressos.

4. Dia 23 de Abril, na Sede da A25A

Haverá, a partir das 16h30, as seguintes iniciativas:

a)

Apresentação, pela Imprensa Nacional-Casa da Moeda, da moeda comemorativa dos 45 anos do 25 de Abril (5 euros), da autoria de José Aurélio.

b)

Inauguração da exposição dos trabalhos do Curso de Design do Produto do Instituto Politécnico de Viana do Castelo (PVC), integrado no projecto “25-04-74, um Design para a Liberdade”.

c)

Inauguração da exposição (mostra dos emissores-receptores utilizados em 1974) da Associação de Rádios Amadores da Região de Lisboa (ARRLX).Esta exposição integrará a instalação de um posto emissor que funcionará (para todos o mundo) no dia 25 de Abril.

5. Jantar comemorativo do 25 de Abril

Realiza-se na Estufa Fria, em Lisboa, no dia 24 de Abril, às 20h00.
Sujeito a oportuna indicação do valor, estão desde já abertas as inscrições.

6. Corrida da liberdade

Com organização conjunta da Federação das Colectividades de Cultura, Recreio e Desporto do Distrito de Lisboa e Associação das Colectividades do Concelho de Lisboa, com a colaboração das Câmaras Municipais de Lisboa (Departamento do Desporto) e Odivelas (Divisão do Desporto) e Confederação Portuguesa das Colectividades de Cultura, Recreio e Desporto e apoio de várias entidades, vai realizar-se em Lisboa, no dia 25 de Abril, de manhã, a 42.ª Corrida da Liberdade.

7. Como em anos anteriores, iremos editar:

a)

Serigrafia da autoria de José Guimarães;

b)

Cartaz e autocolante da autoria de Henrique Cayatte;

c)

Medalha da autoria de José Aurélio.

8.

Visando a pintura de uma das viaturas Chaimite que a A25A utiliza para eventos comemorativos em diversos pontos do País, foi estabelecida uma parceria com a Escola de Artes António Arroio, em que os seus alunos irão fazer essa pintura.

9. Núcleo da A25A de Oeiras/Cascais

Além da Festa Jovem da Linha e da Festa Náutica Jovem, organiza também a 2 ou 3 de Maio, um rali para alunos das escolas, “À Procura do Poeta”.

10.

Das várias colaborações com entidades promotoras de actividades comemorativas (seja por iniciativa própria seja por proposta/sugestão da A25A), para além das respostas que tentaremos dar aos convites recebidos de várias entidades (escolas, autarquias, colectividades, convívios, etc.), destacamos as seguintes iniciativas:

a)

A cidade de Lisboa e o 25 de Abril
Por proposta da A25A, a CMLisboa decidiu assinalar os locais onde se desenrolaram acontecimentos mais significativos na acção militar do 25 de Abril de 1974. Tendo sido elencados vinte e cinco locais, neste ano serão assinalados nove, prevendo-se que os restantes sejam assinalados até 2024, ano do 50.º aniversário do 25 de Abril. Em cada local será colocada uma placa, que incluirá um QRCode, que nos ligará directamente ao site da A25A, onde se poderá ver não apenas a descrição dos acontecimentos ocorridos nesse local, mas todo o site.

a.1)

A identificar em 2019:

a.2)

Locais a identificar até 2024:
Regimento de Engenharia n.º 1 (RE1); Escola Prática de Transmissões (EPTms); Estúdios da Radiotelevisão Portuguesa no Lumiar; Aeroporto Internacional de Lisboa, Portela; Banco de Portugal, rua do Comércio; Rádio Marconi, rua de S. Julião; Casa da Moeda; Ribeira das Naus; Rio Tejo frente ao Terreiro do Paço (Cais das Colunas); Largo e Quartel do Carmo (Comando-Geral da GNR); sede da PIDE/DGS, rua António Maria Cardoso; Rádio Renascença (RR); Rossio; jornal “República”; Ponte sobre o Tejo; Colégio Militar.
Nos nove locais assinalados em 2019, será colocado um pendão, sendo o primeiro (a definir) inaugurado pelo Presidente da CMLisboa e por um representante da A25A, na noite de 24 de Abril. Os restantes oito serão inaugurados durante a manhã do dia 25 de Abril, por um vereador da CMLisboa e por um representante da A25A.

b)

Museu Nacional de Imprensa
O MNI irá organizar uma exposição onde juntará os seis concelhos que acolheram reuniões clandestinas preparatórias da Revolução dos Cravos. Com a colaboração da A25A e das respectivas Câmaras Municipais, haverá seis núcleos – Lisboa, Almada, Oeiras, Cascais, Viana do Alentejo e Óbidos – onde se irão distribuir as várias temáticas pelos seis locais (folhetos e jornais clandestinos, jornais de Abril e da Liberdade, cartazes de Abril, livros da ditadura – censurados – e de Abril, músicas da Revolução, humor e RevoluSam), sendo que quem quiser toda a exposição terá de visitar os seis locais.

c)

Visita ao Posto de Comando (PC) do MFA, no Regimento de Engenharia 1 (RE1) na Pontinha
O Presidente da República visita este local no dia 24 de Abril, às 17h00, tendo convidado a A25A para estar presente. (Programa organizado pela Presidência da República.)

d)

Entre as diversas actividades comemorativas organizadas pela CMOeiras, salienta-se a evocação da libertação dos presos políticos da prisão de Caxias, evento que terá a colaboração da A25A.

e)

Comemorações Populares em Lisboa
Como sempre, a A25A participa na Comissão Promotora das Comemorações Populares do 25 de Abril em Lisboa, que terão o habitual desfile na Avenida da Liberdade até ao Rossio. (Desfile – COMEMORAÇÕES POPULARES DO 45º ANIVERSÁRIO DO 25 DE ABRIL – dia 25 de Abril, Praça Marquês de Pombal às 15:00 horas).

Arquivos Históricos

Lugares de Abril

Curso História Contemporânea

Roteiro Didático e Pedagógico

Base Dados Históricos

Guerra Colonial

Centro de Documentação

Arquivo RTP

Cadernos 25 Abril

Filmes e Documentários

Arquivos Históricos

© 2018 – Associação 25 de Abril

Close Menu